Programe a Saúde Que Seu Filho Terá em Sua Vida Um Ano Antes da Concepção

Tempo de leitura: 2 minutos

0 Flares 0 Flares ×

Todo mundo sabe que um homem obeso que casa com uma mulher obesa e estão obesos na concepção, geram filhos com tendência à obesidade para o restante da vida destes.

Claro, dizem, é culpa da genética. E, as pessoas tem razão, parcialmente. Mas, quando o homem e a mulher gordos emagrecem antes da concepção terão filhos com tendência a serem magros pelo resto de suas vidas. E, incrivelmente, a primeira geração dos netos também terá a tendência a ser magros por toda a vida deles. Ou seja, a epigenética se transmite por duas gerações.

O conceito de epigenética é muito recente e a descoberta de que a epigenética se transmite para os filhos e os netos é muito mais recente. Esta informação foi publicada num trabalho científico em 2013, na CELL, uma das mais prestigiosas revistas científicas.

Assim como a obesidade, TODAS as condições dos pais, sem exceção, se transmitem por duas gerações, seja estresse, depressão, doenças degenerativas, fraqueza, e o que mais for, envolvendo não só as doenças de origem genéticas como também as doenças de origem degenerativas. Mas, a grande notícia é que, na concepção dos filhos, os pais não só transmitem a proteção (ou não) contra as doenças, mas também transmitem as condições de saúde que estão vivendo no momento da concepção.

Utilizando um exemplo pessoal meu. Minha mãe sofria de dores na coluna. Devido à epigenética, eu comecei a manifestar dores na coluna desde os meus quinze anos. Na época eu não sabia explicar o porquê. Hoje eu sei que minhas dores eram decorrentes de ter herdado uma musculatura fraca, insuficiente para proteger a coluna dos esforços cotidianos.
Como eu não tinha esse conhecimento na época da concepção dos meus filhos, eu transmiti a eles uma epigenética de musculatura fraca, insuficiente para proteger a coluna. E, como era de se esperar meus três filhos sofrem de dores eventuais na coluna.

Há 20 anos eu faço musculação com intensidade e nunca mais tive dores na coluna. Se agora eu fosse conceber um filho, certamente ele receberia um epigenoma que propiciaria a ele ter uma musculatura mais forte e assim proteger a coluna de problemas.

Uma das maiores satisfações profissionais que eu tive em minha vida, foi quando meu filho e minha nora me procuraram antes da concepção de minha neta. Eles queriam desenvolver ao máximo a saúde deles de forma a gerar um filho o mais saudável possível. E minha neta nasceu esbanjando saúde!

LEIA MAIS:

O que Podem Fazer Os Pais Que Não Cuidaram da Sua Saúde Antes da Concepção dos Filhos

A Genética Não Tem Importância Para a Sua Saúde

1

5 Comentários


  1. Antes de engravidar não me preocupava com isso, mas quando descobri que estava grávida, passei a me alimentar de forma mais saudável, parei de comer doces, refrigerante, diminui bastante o consumo de “besteiras”, as pessoas diziam que eu era louca, que a gravidez era o momento em que a gente pode comer tudo, engordar e ninguém vai falar que estamos feias! Meu pensamento não era esse, e sim o que eu estava passando pra minha filha. Enfim, acho super importante esse seu texto, pena que a maioria das pessoas não pensa dessa forma.


  2. gostaria de saber o que e a quem eu procure se eu tiver algum problema relacionado a este ramo aqui na cidade do rio de janeiro? ah saber também se é pago as pessoas que fazem ou melhor ajudam com isso

    ah amei o tema abordado e a psotagem por favor continuem sempre assim ,conteúdo de ótima qualidade por isso sempre entre aqui no site


    1. Olá! Não sei dizer algum profissional que atue nesta área na região do RJ. O programa Pro Ser Saúde irá abrir vagas em breve, fique atento a página do Dr. Uronal do Youtube e Facebook. Nestes canais você também encontrará conteúdo para começar a colocar em prática e obter uma vida mais saudável.

Comentários encerrados.