Nunca Peça a Deus para Te Dar Saúde, É um Sacrilégio

Tempo de leitura: 5 minutos

0 Flares 0 Flares ×

Meu campo de atuação é a saúde, e acredito que doenças não existem, na verdade elas são perdas progressivas de saúde (Dissaúde), em consequência das ações que fizemos agredindo nossas células, nosso corpo, e da falta de ações que deveríamos ter feito para melhorar o funcionamento do nosso organismo. Logo, se não foi Deus, ou qualquer ser superior que causou o problema, não está na mão deles a solução.

Espiritualidade na saúde

 

A minha definição de saúde é: ”Um completo estado de bem-estar físico, emocional, mental, cultural, social, ambiental e espiritual”, ou seja, a saúde abrange todas as dimensões do ser humano.

Quando olhamos a saúde com essa abrangência, incluindo as dimensões sociais e espirituais, a importância dela ultrapassa todos os outros campos do conhecimento humano.

Quando se aborda a espiritualidade na saúde, em seu sentido mais amplo, o ser humano expressa seus atributos mais elevados, como a compaixão, integridade, impecabilidade, ética, honestidade, caridade, entre outros.

Esse conceito amplo de espiritualidade serve para os crentes em uma inteligência superior, e para os não crentes, independente de como gostam de ser chamados (agnósticos, ateus, materialistas, céticos).

Eu disse que é um sacrilégio pedir a Deus para dar mais saúde, e usei o nome de Deus para representar qualquer poder superior que possa refutar as leis da natureza, e reverter de forma milagrosa às consequências de uma vida autodestrutiva.

Mas, não pense que os materialistas também não pedem preguiçosamente ao seu “Deus” que faça o seu trabalho. O “Deus” dos materialistas é a Ciência, e eles acreditam que a ciência possa descobrir no futuro, uma maneira de reverter os danos causados pelas nossas escolhas, por comportamentos errados.

O Geneticista e Futurista, Aubrey de Grey (autor da tese que os homens podem viver indefinidamente), acredita estar no caminho de encontrar soluções na engenharia celular capaz de reverter os danos causados no organismo.

 

Ter ou não saúde, é consequência de nossas ações passadas.

 

A não ser que tenhamos nascido com alguma doença genética, ou sofrido algum acidente que não podíamos ter evitado, todas as demais doenças foram de alguma forma construídas por nós.

Já falei em outro post sobre a perda de saúde chamada de Diabetes tipo 2, que enquanto o metabolismo da glicose no indivíduo estava funcionando perfeitamente bem e harmônico, ele estava saudável. Porém a partir do momento que ele teve a primeira dificuldade em colocar a glicose para dentro da célula, a doença já tomava seu corpo.

A cada momento as ações, ou a falta de ações, provocavam a gradativa diminuição da saúde, destruindo progressivamente a harmonia, e o equilíbrio do organismo, até o momento que a perda estava tão significativa que a vida ficou inviável naquele organismo.

Em todos os momentos o indivíduo foi o único responsável pela perda de saúde. Alguns fatores externos podem ter agravado um pouco, mas foram suas ações (ou falta delas) que causaram todo o problema.

 

Se não foi Deus, ou qualquer ser superior que causou o problema, não está na mão deles a solução.

 

Não adianta orar a Deus e pedir saúde, ou acreditar num pensamento mágico que a ciência vai resolver, isso é insanidade.

Eu havia falado sacrilégio para aqueles que acreditam em Deus, ou em uma inteligência superior, porque mesmo que ele tenha todo o poder de curar o câncer de um fumante inveterado:

Por qual motivo ele iria reverter às leis da natureza, que ele mesmo criou para alguém que construiu seu câncer cigarro a cigarro? E não fez nada para merecer ser curado?

Você pediu para que ele resolvesse o seu problema, ele o atendeu, mas da maneira dele. E se ele pudesse responder ele diria: “Eu não posso te dar saúde de forma imerecida, pois estaria indo contra a Lei da Natureza (que é a rei da causa e efeito) que eu mesmo criei”.

 

A solução está ao nosso alcance

 

É possível adotar ações de desenvolvimento de saúde que revertam completamente à situação que está vivendo, e curar todas as doenças, desde as mais simples, recentes e de cura fácil, as mais graves e altamente complicadas, pois enquanto não chegar à falência total do organismo, sempre haverá chances de melhoria e cura.

É claro que isso é uma tese, porém a prática tem me confirmado cada vez mais que ela é verdadeira. E o desenvolvimento progressivo dos recursos da medicina da saúde provarão que todas as doenças podem ser curadas, e que ninguém mais precisará ficar doente.

Você merece uma vida melhor, e por isso eu vou te mostrar o caminho que você mesmo pode avançar para ter uma vida mais saudável e plena.

Assista aos meus vídeos , e de outros profissionais que aparecerem no seu caminho, e coloque em prática tudo que aprender, dessa forma você conquistará por seu próprio mérito a saúde que você deseja.

Você foi criado para ter mais do que saúde, os seres humanos foram criados para ter uma Supersaúde. Até a próxima!

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *